Sampaoli explica não utilização de nomes da base do Santos: "Não há jogadores destacados"

Sampaoli explica não utilização de nomes da base do Santos:

Santos é um clube tradicionalmente famoso por revelar grandes jogadores. No entanto, atualmente, as categorias de base do clube vivem um momento apagado e sem grandes promessas.

Em entrevista coletiva nesta quarta-feira, no CT Rei Pelé, Sampaoli explicou o motivo de não aproveitar os atletas da base no elenco principal. De acordo com o treinador argentino, há uma constante análise dos atletas, mas nenhum deles tem se destacado o suficiente.

Sampaoli ainda cobra uma reestruturação das categorias de base do clube. Os Meninos da Vila estão na 16ª colocação do Brasileirão Sub-20, foram eliminados do Brasileirão de Aspirantes e estão na liderança do Grupo 13 no Campeonato Paulista Sub-20:

– Estamos analisando a todo tempo. As redes são antisociais, não sociais. A impressão das redes é de pessoas que tomam postura de análise totalmente amadora a uma pessoa que está no dia a dia, trabalhando de maneira profissional. Eu teria que escutar e escuto, trabalho com profissionalismo e vejo todos os dias. Santos tem que reestruturar sua força básica com os menores, porque a produtividade do sub-23 e sub-20 não está passado bom momento, e não há jogadores destacados nessas divisões. Ou pelo menos não estão se destacando. Se tem um jogador que faz cinco gols no sub-20, teria que revisar o motivo de eu não utilizar. Mas isso não acontece.

Kaio Jorge  uma das joias do Santos mas tem pouqussimo espao com Sampaoli  Foto Ivan StortiSantos FCKaio Jorge  uma das joias do Santos mas tem pouqussimo espao com Sampaoli  Foto Ivan StortiSantos FC

Kaio Jorge é uma das joias do Santos, mas tem pouquíssimo espaço com Sampaoli — Foto: Ivan Storti/Santos FC

Além disso, Sampaoli ainda afirmou que não tem problemas em utilizar atletas jovens e relembrou quando colocou um jogador de apenas 15 anos para jogar no Chile.

– Querer que alguém resolva uma situação que não exista é irreal. Queremos que algum garoto substitua quem não está na melhor performance, mas eu não estou convencido. E em todos os lugares onde estive revelei garotos, coloquei até de 15 anos na Copa do Chile. Aqui ainda não encontrei quem possa afrontar em cima numa situação difícil.

No profissional, o Santos é o terceiro colocado do Campeonato Brasileiro, com 37 pontos, cinco atrás do vice Palmeiras e oito atrás do líder Flamengo. O próximo jogo é contra o Fluminense, nesta quinta-feira, às 20h (de Brasília), no Maracanã.

Banner Lateral (1)
ouça online
Banner Lateral (2)