Guanandizão deve ser reaberto em junho de 2020

Guanandizão deve ser reaberto em junho de 2020 IMAGE
Obra est em andamento e dentro do cronograma diz Funesp Foto Edemir RodriguesGoverno do MSObra está em andamento e dentro do cronograma, diz Funesp (Foto: Edemir Rodrigues/Governo do MS)

Fechado desde 2013, o Ginásio Poliesportivo Guanandizão está perto de voltar a receber competições. Com as obras de reforma e readequação em andamento, a previsão é que a reinauguração aconteça em junho do próximo ano.

O prazo foi confirmado pelo diretor-presidente da Fundação Municipal de Esportes (Funesp), Rodrigo Terra em entrevista à Rádio CBN, que prevê jogos da Seleção Brasileira de Voleibol para marcar o retorno do Ginásio. "A obra está acontecendo dentro do cronograma previsto e a nossa previsão, se tudo correr bem, é inaugurá-lo no meio do ano que vem junto com a Liga das Nações de Voleibol Masculino nos dias 19, 20 e 21 de junho".

A obra de recuperação do Guanandizão é uma parceria entre a Prefeitura de Campo Grande e o Governo do Estado com custo total de R$ 2,3 milhões. Após a liberação poderá receber público de aproximadamente oito mil torcedores em diversos eventos. "A gente ganha uma arena que não temos hoje em condições de receber grandes eventos esportivos, não apenas do voleibol, mas basquetebol, futsal e outras modalidades de lutas, ginásticas em diversas competições nacionais e internacionais, além de espaço cultural e shows", disse

Banner Lateral (1)
ouça online
Banner Lateral (2)