Em uma semana, dengue tem mais de 500 novos casos notificados em MS

Em uma semana, dengue tem mais de 500 novos casos notificados em MS IMAGE

Dados do boletim epidemiológico da SES (Secretaria de Estado de Saúde), divulgados nesta quarta-feira (11), mostram que em mais uma semana a dengue avançou em Mato Grosso do Sul. Houve aumento no número de casos suspeitos e confirmados da doença. 

Levantamento com dados até 04 de setembro, apontavam 54.068 casos notificados em MS. Os dados avaliados até este dia 11 de setembro, apontam 54.614 casos notificados. O aumento foi de 546 novos casos. 

Quanto ao número de casos confirmados de dengue, em Mato Grosso do Sul, o total informado no levantamento até 04 de setembro, era de 30.997. No boletim atual, o total chega a 31.465, ou seja, aumento de 468 casos. 

Destes, Dourados concentra 2752. Campo Grande registra o maior número de MS, com 15.173. Ponta Porã possui 1020. Três Lagoas tem registro de 3483. 

Dos 79 municípios de Mato Grosso do Sul, 74 estão em situação de alta incidência da doença, inclusive Dourados. Essa condição é considerada quando o número de casos ultrapassa 300 a cada 100 mil habitantes.  

Apenas Aquidauana, Anastácio, Inocência, Juti, Paranhos estão em situação de média incidência da doença. Essa condição é considerada quando o número de casos é de 100 a 300 a cada 100 mil habitantes. 

Foram 26 vítimas fatais por dengue, em Mato Grosso do Sul, durante todo ano de 2019. Destas oito foram registradas em Campo Grande, sete em Dourados, três em Três Lagoas, duas em Coxim, e Maracajú, Ponta Porã, Corumbá, Costa Rica, Amambai, Miranda registram uma vítima fatal cada. 

Brasil - O Ministério da Saúde informou nesta quarta-feira (11) que, de 30 de dezembro a 24 de agosto, foram registrados 1.439.471 casos de dengue em todo o país. A média é 6.074 casos por dia e representa um aumento de 599,5%, na comparação com 2018. No ano passado, o período somou 205.791 notificações.

Banner Lateral (1)
ouça online
Banner Lateral (2)