Criciúma atinge 99% de risco de queda e precisa de combinação improvável para não cair

Criciúma atinge 99% de risco de queda e precisa de combinação improvável para não cair IMAGE
Cricima atinge 99 de risco de queda e precisa de combinao improvvel para no cair
Fernando Ribeiro/Futura Press

Criciúma está com o secador ligado e dependendo de uma combinação de resultados para não cair à Série C. Após o empate em 1 a 1 com o Paraná, o Tigre chegou aos 99% de risco de rebaixamento (segundo o Infobola), que pode ser confirmado ainda nesta 37ª e penúltima rodada da Série B do Brasileiro.

Para evitar a queda antes de tentar o último suspiro na última partida do ano, o Tigre precisa torcer por derrotas de Londrina, Figueirense, Vila Nova-GO e São Bento. Os quatro times ainda entram em campo pelo complemento da rodada.

O rebaixamento à Série C será confirmado em caso de vitória do Londrina sobre o São Bento, nesta quinta-feira, ou na sexta-feira se o Figueirense empatar ou vencer o CRB.
O Criciúma pode chegar aos 39 pontos se vencer o Oeste na última rodada. O Figueirense tem os mesmos 39, enquanto o Londrina soma 36. O time goiano tem 35, e o São Bento 33.

Cenários

  • Criciúma torce por duas derrotas do Figueirense, que enfrenta CRB fora e Operário em casa
  • Londrina não vença nenhum dos dois que ainda restam, São Bento fora e Guarani em casa
  • Vila Nova não pode somar mais que quatro pontos contra Oeste em casa e Cuiabá fora
  • São Bento também não vença o Londrina em casa e o América-MG fora
Banner Lateral (1)
ouça online
Banner Lateral (2)