Brasil vence México de virada e conquista Copa do Mundo Sub-17

Brasil vence México de virada e conquista Copa do Mundo Sub-17 IMAGE
Campanha perfeita com sete vitrias levou o Brasil ao tetra no Mundial Sub-17 Foto Alexandre LoureiroCBFCampanha perfeita com sete vitórias levou o Brasil ao tetra no Mundial Sub-17 (Foto: Alexandre Loureiro/CBF)

O Brasil é tetracampeão da Copa do Mundo Sub-17 e, desta vez, com campanha 100% em casa. A Seleção Brasileira venceu o México neste domingo (17), no Gama, por 2 a 1, de virada para levantar mais um ítulo na categoria, repetindo 1997, 1999 e 2003. Gonzáles abriu o placar já no segundo tempo, mas Kaio Jorge e Lázaro, quase no fim, definiram a vitória verde e amarela.

O tetracampeonato do time comandando por Guilherme Dalla Déa chega após uma campanha invicta na competição. Foram três vitórias na fase de grupos, depois, triunfo por 3 a 2 sobre o Chile, nas oitavas de final. Nas quartas, a equipe bateu a Itália por 2 a 0. E, na fase semifinal, uma virada surpreendente diante da França por 3 a 2.

O jogo

O clima de decisão tomou conta da partida desde o apito inicial no Estádio Bezerrão, quando Yan Couto fez boa jogada pela direita, cruzou fechado e viu a bola passar por trás do gol mexicano. Mas a primeira finalização mesmo saiu aos 11 minutos, com João Peglow, que arriscou da entrada da área, à direita da meta adversária. O domínio brasileiro seguiu e, aos 13, Yan cruzou da direita e a bola sobrou para Gabriel Veron finalizar por cima. Logo depois, Kaio Jorge fez ótima jogada pela esquerda, entrou na área e rolou para trás, onde Peglow chutou de primeira e acertou o travessão.

A pressão não parou, e a Seleção ainda ficou perto de marcar em outros dois chutes de Peglow, um defendido por Garcia, e outro que saiu rente à trave direita. Outra boa oportunidade para o Brasil foi aos 28, após cruzamento de Patryck pela esquerda, que fez a bola chegar em Veron, que chutou de primeira e viu Garcia fazer a defesa. O goleiro mexicano ainda segurou as finalizações de Peglow e Patryck antes do jogo ir para o intervalo.

No segundo tempo, o México foi quem começou assustando. Logo no primeiro lance, Martínez lançou na área, e Luna pegou de primeira, mas mandou para fora. Mas o gol mexicano saiu aos 20 minutos, quando Gonzáles recebeu cruzamento e cabeceou para fazer 1 a 0. Em busca da virada o Brasil retomou o ataque e chegou ao empate em um pênalti marcado após checagem do VAR em um ataque brasileiro em que Veron foi derrubado na área. Kaio Jorge cobrou no canto direito e deixou tudo igual na decisão.

O empate fez a torcida se animar ainda mais no Bezerrão e empurrar a Seleção. O ataque brasileiro seguiu, mas o gol do título só saiu quando a torcida já se preparava para a decisão por pênaltis. Aos 47 minutos, Yan cruzou da direita, e Lázaro bateu de primeira para decretar o tetracampeonato brasileiro com a vitória por 2 a 1.

Banner Lateral (1)
ouça online
Banner Lateral (2)