Análise: Grêmio esbarra em rivais do Z-4 e destoa de últimas campanhas no Brasileirão

Análise: Grêmio esbarra em rivais do Z-4 e destoa de últimas campanhas no Brasileirão IMAGE

Deixar pontos para trás contra adversários dentro da zona de rebaixamento virou rotina para o Grêmio nesta primeira parte de Campeonato Brasileiro. Mesmo com os titulares, o Tricolor voltou a esbarrar em rivais do Z-4 no empate em 3 a 3 com a Chapecoense, na noite de segunda-feira, na Arena, em mais um resultado que impede o clube gaúcho de subir na tabela.

O rendimento deste ano destoa bastante se compararmos aos dos últimos anos sob o comando de Renato Gaúcho. Atualmente, o Grêmio é o 13º, com 17 pontos ganhos em 13 partidas disputadas.

Grupo do Grmio antes do empate com a Chape  Foto Lucas UebelGrmioGrupo do Grmio antes do empate com a Chape  Foto Lucas UebelGrmio

Grupo do Grêmio antes do empate com a Chape — Foto: Lucas Uebel/Grêmio

No ano passado, nesta mesma rodada, já somava 23 pontos e era o quarto colocado, quatro abaixo do então líder Flamengo. Em 2017, o Tricolor tinha ao término da 13ª rodada 25 pontos e só via o Corinthians à frente – é verdade que com 10 pontos de vantagem. Isso em cenário idêntico, com disputa em três competições simultâneas, embora com particularidades no calendário de cada ano.

– Quem tem obrigação de disputar o título é quem só está em uma competição. Esses têm obrigação. O Grêmio não tem obrigação alguma de ganhar. O Grêmio não está fora, mas ele tem três competições. As dificuldades são bem maiores. O Grêmio não está fora, mas o desgaste é muito grande – justificou Renato.

A partida com a Chapecoense foi a quarta do Grêmio contra uma equipe dentro da zona de rebaixamento no momento do encontro. Antes, havia empatado com o Avaí, na segunda rodada; perdido para oFluminense, na quinta; e empatado com o CSA, na 12ª rodada. São três pontos ganhos em 12 disputados.

Renato Gacho reclama com arbitragem aps empate do Grmio  Foto Wesley SantosPress DigitalRenato Gacho reclama com arbitragem aps empate do Grmio  Foto Wesley SantosPress Digital

Renato Gaúcho reclama com arbitragem após empate do Grêmio — Foto: Wesley Santos/Press Digital

Esses nove pontos que ficaram no caminho contra adversários teoricamente mais fracos, somados aos 17 atuais, colocariam o Grêmio no G-4, com 26 pontos, uma pontuação muito mais próxima do rendimento do próprio clube nos últimos anos.

– Sem dúvida nenhuma não estamos satisfeitos com colocação. Era importante ganhar. Era importante ganhar em casa. Não estamos satisfeitos. Vamos fazer o possível para melhorar – garantiu o vice de futebol Duda Kroeff.

Na partida com a Chapecoense, o Grêmio pecou por erros consecutivos na defesa. Todo o setor falhou em algum dos lances de gol dos catarinenses. Só o goleiro Paulo Victor pode ser absolvido, sem culpa direta nas situações. Menos mal que o Grêmio conseguiu empatar e igualou a maior série invicta do ano, com 10 partidas sem perder.

Na próxima rodada, o Grêmio deve voltar a utilizar o time reserva no duelo com o Flamengo, no sábado, no Maracanã. Os titulares devem ser poupados para o confronto da quarta-feira seguinte contra o Athletico-PR, pelas semifinais da Copa do Brasil, na Arena. A reapresentação do grupo está marcada para a tarde desta terça, no CT Luiz Carvalho.

Banner Lateral (1)
ouça online
Banner Lateral (2)